Red Hat 7 Beta

     O futuro do Red Hat Entreprise está mais perto com o RedHat Enterprise 7.

No dia 11 de Dezembro de 2013, foi anunciado o lançamento do Red Hat Enterprise 7 Beta.

Há uma dezena de anos que o RHE se tornou no Linux líder do mercado estabelicendo um standard de excelência em termos de performace e segurança em datacenters nas maiores clouds.

No dia 11 a RedHat ofereceu a oportunidade a clientes, parceiros e o público em geral a participar no lançamento da versão 7 do seu sistema operativo que foi colocado pela compania como o OS líder no domínio dos hypervisors e aplicações para a cloud estando desenhado par grandes necessidades de processamento de dados para qualquer tipo de solução.

O RHEL7 é baseado no Fedora 19 e no kernel versão 3.10. Com grande eficácia de instalação automática e em grandes cenários, gestão mais simplificada e melhoradas capacidades de gestão torna possível a qualquer cliente independentemente do seu tamanho o usufruto da estabilidade e performance que esta plataforma oferece agora e no futuro com garantias de sucesso.

Algumas key features são:

Performance Management.

Além das já habituais ferramentas de contolo, o RHEL7 optimiza do sistema desde o momento da sua instalação reduzindo custos, além disso prefis de comportamento estão disponíveis permitindo controlo máximo sobre o recursos.

Physical and Hosted in-place Upgrades.

O upgrade da versão 6.5 para a versão 7 está garantido. E no caso de máquinas virtuais sem alteracões ou tempo de indisponibilidade.

File Systems

O RHEL7 vai inclui suporte para XFS como o sistemas de ficheiros por omissão suportando até 500TB de informação. Além disso inclui melhoramentos ao ext4 com suporte ate 50 TB de informação.

Networking.

O RHEL7 continua a suportar todos os principais e mais recentes standards de rede. A nível de performance redes até 40Gb em Ethernet e agregação de placas de rede Ethernet.

Storage.

Sempre a inovar o RHEL7 suporta implementações de storage em grande escala com o anuncio do “scalable storage stack” como alternativa a outras soluções de storage mais dispendiosas.

Windows Interoperability.

A coexistência com o Microsoft Windows TM é nos dias que correm crítico, que também foi melhorado no RHEL7. Ligação com SAMBA 4.1 a Active Directories e a criação de zonas de confiança entre outras funcionalidades torna isso possível.

Não hesite e vá já obter a sua cópia do RHEL7 ainda hoje no site da Red Hat.